O Instituto é o Gestor da Reserva Kautsky, uma área de mata atlântica com aproximadamente 325.000 m², localizada na sede de Domingos Martins, onde em seu ponto máximo com 850 metros de altura foi construída a Capela da União. Esta Capela foi idealizada como um templo ecumênico, unindo as duas religiões mais fortes em Domingos Martins. Além de ser um espaço excelente para exercer a espiritualidade, independente da crença ou religião.
Esta Reserva foi enriquecida com mais de 100.000 plantas recolhidas por Roberto Kautsky em desmatamentos ocorridos na região serrana do Espírito Santo nos últimos 30 anos.
A Reserva é dotada de uma Estrada Principal com 16 trilhas interpretativas que são utilizadas como ferramenta para a Educação Ambiental e recebem desde alunos de escolas do Espírito Santo até pesquisadores de outros países. Em todas pode-se perceber o trabalho de dedicação do Sr. Roberto, podendo encontrar espécies curiosas ou ameaçadas de extinção.
Outro atrativo é a vista privilegiada, de onde se pode avistar a cidade de Domingos Martins, as montanhas da Região Serrana, os municípios de Vitória e Vila Velha, parte do litoral capixaba, inclusive a Terceira Ponte e navios no oceano atlântico.

Nesta reserva existem várias espécimes importantes que contribuíram para os estudos científicos do mundo. Citemos algumas


As descobertas

Begônia kautskiana – a maior do mundo
1

Bromélia Neoregelia liliputiana – a menor do mundo no gênero
2

A Phyllodites kautskyiuma perereca que vive dentro das bromélias, come insetos e tem um cantar afinado como o de um pássaro.
3

Philodendron spiritu sancti
4

Oncidium majevskyi
5

Aechmea warassii
6

Árvores
7 8 9 10 11 12 13
14 15

Flores
16 17 18 19 20 21 22 23

Vista para o Litoral Capixaba
24 25 26 27 28 29 30

Vista para Cidade de Domingos Martins “Campinho”
31 32 33 34

Trilhas dentro da Reserva Kautsky
35 36 37 38 39 40 41 42 43 43a 44 45

Capela da União Construída no topo da Reserva Kautsky
46 47 48 49 50 51 52 53

Bichos
54 55 56 57 58 58a 59 60 61 62 63 64 65 66 67 68 69 70